Uma garçonete de 25 anos foi atacada e morreu vítima de várias facadas enquanto tomava sorvete com um amigo na Praça São Geraldo, em Araraquara (SP), na noite de quinta-feira (21). O principal suspeito do crime é seu ex-namorado, de 33 anos, que fugiu e ainda não foi encontrado.

O caso foi registrado como feminicídio. Danielly Teles Baffa iria fazer 26 anos na terça-feira (26). Segundo informações do boletim de ocorrência, ela tinha saído do trabalho e foi até a praça com um amigo para tomar o sorvete que tinha comprado em uma lanchonete.

Os dois estavam sentados em um banco, quando Dagner Ribas dos Santos Silva chegou de moto e partiu para cima do homem que estava com a vítima.

Mulher de 25 anos é morta com várias facadas quando tomava sorvete na praça em Araraquara

Mulher de 25 anos é morta com várias facadas quando tomava sorvete na praça em Araraquara

O rapaz correu e o suspeito atacou Danielly com vários golpes nos braços, pescoço e pernas. Em seguida, ele tentou fugir de moto, mas não conseguiu ligar o veículo, chegando a derrubá-lo e fugiu a pé.

Testemunhas do crime tentaram ajudar Danielly, mas ela já estava morta quando os socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegaram.

No bolso da vítima, a Polícia Científica encontrou uma carta de amor, possivelmente escrita pelo suspeito, que ainda não foi preso.

“Eles tiveram um namoro de 5 meses e estavam separados há 2 meses. Ao que consta, ele não estava admitindo o fim do relacionamento. Já era uma pessoa ciumenta, segundo o que a vítima teria relatado ao rapaz que estava com ela. Isso veio se desenrolando por um certo tempo até que culminou com essas agressões”, disse o delegado Carlos Alberto Ocon de Oliveira.

O velório de Danielly será no Memorial Sinsef, ao lado do cemitério São Bento. Ainda não há informações sobre o sepultamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui